16/03/2009

E o Benny Hinn veio

Foto: Blog Emeurgente

TEXTO POSTADO NO blog do ciro via Emeurgente


Na verdade, ele já veio... Aconteceu nesse fim de semana, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, no Anfiteatro Pôr-do-Sol, mais uma cruzada do show-man Benny Hinn. O evento, organizado pela Igreja Centro de Avivamento para as Nações, não provocou apenas congestionamento na cidade.


Leia o depoimento de quem esteve lá, o irmão André, que atuou como segurança do evento:
“Paz, pastor Ciro. Em primeiro lugar, peço-lhe perdão, pois há algum tempo o critiquei por falar contra as heresias de Benny Hinn. Mas ele, neste momento que escrevo (dia 14), está fazendo uma cruzada aqui em Porto Alegre. Trabalhei como segurança do evento ontem à noite (sexta-feira) e o que vi serve de alerta para outros irmãos.


Primeiro, vi o que um “homem de Deus” faz com uma equipe de seguranças... Parecia que eles tinham saído de uma cocheira ou jaula...


Segundo: os “milagres” que eles promovem no meio do povo, antes de o Benny Hinn se apresentar, é puro teatro, isto é, serve somente para atrair a atenção do povo; eles escolhem uma ou duas pessoas que se dizem enfermas e promovem a tal “cura”... O engraçado disso é que eles veem as cadeiras de rodas, mas nem chegam perto dos paralíticos.


Terceiro: fiquei ao lado do palco do Benny Hinn, ao lado da equipe dele, e em nenhum momento os vi em meio ao povo orando, como disseram para nós. Pelo contrario, alguns seguranças dele, de paletó, ficaram um mostrando faca para o outro, no momento da mensagem; além disso, conversaram o tempo todo. Depois que Hinn começou o show de derrubar as pessoas, os seguranças foram ao palco para ficarem caindo o tempo todo...


Quarto: vi com meus olhos as pessoas doentes serem mandadas de volta para seu lugar sem ao menos receberem uma oração, pois quem seleciona os “agraciados” é, talvez, o mais violento dos seguranças. Vi uma criança com problema mental sendo barrada pelo tal segurança, e a mãe aos prantos pedindo para o Benny Hinn orar pelo filho dela. Havia uma mulher da equipe dele que fazia orações no meio do povo; foi ela que mandou a mãe levar o filho de volta; nem ela orou.


Revoltei-me, pois eu vi tudo isso diante de meus olhos. Além disso, vi muitos paralíticos sendo impedidos de chegar perto do palco pelos brutamontes (seguranças). Para que ter oito homens, todos lutadores, de academia, cheios de armas, ignorantes e mal-educados? Hinn não é um homem de Deus? Paulo, Pedro e Jesus precisavam de seguranças?


Por isso, hoje, nem quis ir para aquela “palhaçada”. Ontem, tirei o colete da segurança, guardei-o no carro e fui embora, muito triste, mas também muito aliviado por Deus ter me mostrado todas essas coisas.


Em resumo, sabe o que vi ontem? Um homem show, com sua roupa branca, cabelos duros de tanto laquê, um sorriso cínico, um olhar penetrante, cantando e animando uma plateia que parece hipnotizada. Os músicos são dele, os hinos é ele quem escolhe, os cantores são dele, o tradutor é dele, os aparadores são dele... É tudo “farinha do mesmo saco”. Além disso, há um “bando de gorilas” seus tirando uma “onda” do povo de Deus, brincando com doenças, derrubando pastores, empurrando senhoras. Enfim, vi um espetáculo, com muita luz, som e efeitos (ou defeitos) especiais...


Espero, de alguma forma, ter contribuído para que outras pessoas não venham a ser enganadas por esse falso profeta.


Um abraço.”


Irmão André, de Porto Alegre-RS


Na verdade não me impressiono com os fraudolentos da fé, o que me chama a atenção é a quantidade de líderes que cegamente incentivam outros irmãos a participar de eventos deste porte, e ao absorverem o que esses caras pregam reproduzem em uma menor escala as papagaiadas em suas comunidades.
Falta viver as coisas simples e impactantes do Evangelho de Jesus que sem dar nenhum show e nem ter que pagar para operar falsos milagres, atraia as pessoas pelo amor, o toque, o olhar e a vida, pois o coração do homem era o alvo do Senhor.
Os milagres eram a consequência óbvia de sua missão, mas jamais
Ele se promoveu em cima destes, pois seu objeto maior era o resgate integral do homem que se encontrava perdido, longe de Deus.
O testemunho do irmão André nos mostra que muitos vem o que querem ver e outros vem o que a realidade mostra.
No culto de domingo passado, onde ocupei um banco e posteriormente me arrependi, (poderia ter ficado em casa lendo a Palavra ) a mesagem foi um resumo do que Benny falou em PoA.
Não faltou no final uma mantra
"Espirito do vivo deus manifesta teu poder
e revela o peso da tua gloria
espirito do vivo deus
manifesta teu poder
e revela o peso da tua gloria...
"Repetido por quase 20 minutos onde os leigos deveriam levantar as mãos e clamar pelo "Espírito" enquanto o pregador assoprava no microfone e o povo entrava em frenesi.
Bom sei que cada um faz o que quer e cre no que quer, mas todos daremos conta do que fizemos.
Mas tenho a certeza que o prejuízo maior não é a falcatrua financeira nem o espetáculo dantesco armado nas margens do nosso Guaíba (onde um irmão afirmou no culto que se algum doente fosse lá naquele momento seria curado pois "a glória de deus" ainda estava naquele local) e sim as práticas que serão repetidas e propagadas pelos papagaios da fé por muito tempo nos templos evangélicos.
E com certeza se esse cara tivesse esse poder mesmo ele deveria é estar nos hospitais e filas de postos de saúde, abençoando as pessoas sem platéia. Mas como isso não rende $$$$$$, nem platéia cega o negócio é mesmo armar o circo gospel.
Portanto, por mais chocante que o testemunho do Irmão André possa parecer meu caro leitor, (isso se você é um admirador de Benn Himm), pelo menos pondere se Jesus, que tinha todo o poder no céus e na terra, armaria um palco para dar um espetáculo.
Se você acha que sim lhe aconselho a ponderar se o "cristo" que você crê é o Cristo dos Evangelhos.
O pior de tudo é ver que quando tudo acaba e a segunda feira começa tudo volta ao normal, inclusive o sal que continua a não ter sabor na terra e só presta para ser lançado fora e ser pisado pelos homens.
Que Deus tenha misericórdia de todos nós
Claudinho
Graça, Paz, Misericórdia e Sabedoria.

11 comentários:

Anônimo disse...

Irmão André... Infelizmente a gente só vê o que a gente quer... como você não foi no segundo dia você não viu que ele chamou uma criança com problemas mentais para orar lá em cima e nem por isso a criança foi curada.. ou seja, se fosse armado ele só iria chamar as que realmente seriam curadas não iria chamar alguem pra sair do mesmo jeito... O Problema é que muitos vão lá para ver o "popstar" como muitos criticos chamam e esquecem de ir lá para olhar para DEUS ai meu querido infelizmente você realmente irá se decepcionar... te pergunto porque você além de ficar olhando e procurando problemas não fechou seus olhos e adorou a DEUS.. pois a unção do Espirito Santo é inegavel... Se você está a procura de um ministerio sem problema lamento informar, mas você nunca irá encontrar, pois somos humanos e apenas pela graça de DEUS que não somos consumidos... E olha se você é tão religioso... aprenda que não se deve julgar pra não ser julgados e da mesma maneira que julgar será julgado... se o Benny Hinn faz coisas erradas ele irá se entender com DEUS... Não sou nenhum defensor do Benny Hinn... mas estive na cruzada é a unção era algo sobrenatural a presenca de DEUS é algo impactante... isso sem falar nos milagres, mas como você não tem fé fazer o que!! Um grande abraço e que Deus te abençõe e te ilumine, pois se já não bastasse as pessoas do mundo contra os evangelicos temos joias no meio do trigo... Um grande abraço... ahhhhh só mais uma coisa... vc viu quantas pessoas aceitaram Jesus no final dos dois dias??? O Proposito do Homem é levar pessoas a aceitarem a Jesus o Benny Hinn está fazendo a parte dele e vc??

Claudio Silva disse...

Irmão anônimo.

Apenas reproduzi e citei a fonte o texto do irmão André. Não sou ele e não posso responder por ele.

Então o que expresso a seguir é fruto de minha consciência no espírito do Evangelho, e sei que posso ter equívocos ao expressá-la, mas quem não ousa arriscar a pensar será sempre escravo das ciladas dos que manipulam a religião e as escrituras, para enganar o próximo e de lambuja encher o bolso com uma grana extra.

Tenho dificuldades de entender porque pessoas como você que pelo que escreve segue a Jesus que nunca se escondeu, se esconde atrás de um anonimato para expressar opinião, aqui no Blog não tem censura, o espaço é democrático e fraterno e acho que o seguidor de Cristo tem que assumir o que diz com cara, nome e identidade, por isso não precisa se esconder atrás do anonimato para expressar o que pensa, pois o cristão assume publicamente o que crê e leva na sua vida até as últimas conseqüências, em função desta postura que em Roma muitos irmãos morreram no Coliseu por assumir uma identidade contrária a um sistema maligno.

Quanto ao que comenta, eu respeito seu ponto de vista, mas não concordo com a vista de seu ponto, afirmo que é um contra-ponto aos exemplos de Jesus.

Um picadeiro foi armado às margens do Lago Guaíba para Deus se manifestar, derramar sua “unção” e em contra-partida vejo na vida de Jesus que o maior espetáculo que foi armado para ele foi o da cruz e essa história creio muito bem que você sabe como terminou.

Jesus é a exata expressão de Deus Pai, e sempre que manifestava o poder de Deus era discreto, a naturalidade como Ele agia fazia do sobrenatural uma extensão natural de sua vida e assim deve ser para quem o segue. Quem cura que cure em nome de Jesus, que vá aos hospitais, filas do SUS, hospitais psiquiátricos, vilas com crianças desnutridas e lá onde o Pai vê em segredo recompensará seus atos e confirmará a fé de quem procura a cura. Para que o circo? Caravanas de pessoas que se vivessem se fato a amor a Deus e ao seu próximo fariam um revolução de amor neste país, denunciando não somente o pecado individual das pessoas, mas o pecado corporativo de empresas, governo e instituições. Sobre este assunto lhe indico a entrevista do Pr. Ariovaldo Ramos http://www.nafrequencia.com/index.php?view=article&catid=48%3Aentrevistas&id=94%3Aentrevita&option=com_content&Itemid=71. Mas os crentes querem é espetáculo e de fato o merecem, mas isso não significa que não se possa fazer o contra-ponto.

Eu não procuro “ministério perfeito” até porque a própria palavra ministério nos dias de hoje soa muito mal, qualquer um que deseja tornar sua vocação mais “espiritual” agrega a palavra ministério antes da sua vocação e sai por ai expressando na maioria das vezes jactância em cima de seu próximo.

Quanto à questão de joio acredito piamente pelo que leio nos evangelhos e no Novo Testamento que Jesus, João Batista, Estevão, Paulo, João, Tiago e tantos outros também eram considerados um joio para os donos da religião de sua época. E para os infalíveis “ministros donos de toa a verdade” de hoje, pessoas comuns não podem ter opiniões diferentes, pois são rotulados de joio, pedra de tropeço, rebeldes, sem unção etc.

E quanto às pessoas que aceitaram Jesus, quero crer que a tenham feita com a convicção do coração e não pela indução da platéia, da música, das luzes e outros artifícios que induzem pessoas a erguerem suas mãos sem um compromisso real do Evangelho. E só para completar você escreveu “O Propósito do Homem é levar pessoas a aceitarem a Jesus o Benny Hinn está fazendo a parte dele e vc??” Espero que você tenha se equivocado quando usou a tecla maiúscula na palavra homem, pois este é o espírito da religião evangélica hoje, exaltar o homem e manipular a Deus, e eu devolvo a pergunta a você. – Benny Hinn faria a parte dele se não recebesse seu gordo cachê?


E se aparecer de novo e postar comentário só será postado e respondido se tiver nome.

Abraço fraterno,
Claudinho

Emerugência na Igreja disse...

Ótima resposta Claudinho, realmente seria mais interressante que o individuo saísse do anonimato, isto credibiliza a opinião. Não sei se percebeste, mas o que me chama atenção é o tom odioso e agressivo que muitas pessoas assumem diante do confronto... Terrível! Que Deus abençoe muitãooo!

Lucas Antonel disse...

Querido irmão Cláudio, Paz em Cristo Jesus.

Primeiramente queria lhe parabenizar pelo excelente trabalho feito neste espaço, saiba que foi através de pessoas como você que comecei a enxergar o evengelho de forma simple e clara. Quero também lhe agradecer pela força em meu blog, o Avivamente, saiba que também tens um irmão que sempre poderás contar nesta jornada.
Quanto ao poste e seus comentário, não pude deixar de lembrar de uma pasagem que se encontra em Mateus 6:5.

Infelizmente temos vividos dias de completo frenesi espiritual, dias que não mais sabemos diferenciar o que realmente de fato emana do Reino de Cristo. Mas o que mais me deixa preocupado não é a imensidão de oportunista no estilo Benny Hinn, isto já nos foi alertado pelas escritas, o que mais me estarrece é a cegueira espiritual que cerca a grande massa de espectadores completamente aliendas a este sistema corrupto e enganador.

Mas como você disse em um comentário em meu blog: existe esperança, e é isso que me faz acreditar que pessoas como o irmão anônimo um dia enxergue o que Cristo nos ensinou.

Abraço fraterno
Paz.

Claudio Silva disse...

Irmão Lucas

A graça e a paz de Jesus Cristo

Demorei em responder em função de meu trabalho.

Mas que alegria me proporcionou seu comentário, pois é muito difícil mensurar o alcance que a internet tem e nem todos comentam as postagens.
Instalei uma ferramenta do Google, o AdSense, que me permite entre outras coisas saber quais as origens das visitas no blog e o seu apareceu em sexto lugar dos que mais mandam visitantes, fui então conhecer a fonte destas visitas e tive esta agradável surpresa de lhe conhecer.

Mas o que posso dizer-lhe sobre tudo que acontece. Bem sou grato a Deus que me abriu os olhos, pois vivia para a religião evangélica achando que servia a Deus. Tempo, dinheiro, dedicação e olhe que falo sem arrependimento, pois conheci e convivi irmãos e irmãs na fé com a mesma disposição. O problema é que vivia esta vida tentando barganhar favores com Deus, sob o espírito da Lei, preso a rituais, cultos e encontros com deus com hora marcada e sob a tutela de alguns líderes que também me serviam de Pajé espiritual a serviço da religião.

Hoje sigo a caminhada com Cristo, amando o próximo e a Deus, colocando ferramentas aqui na Net para que de alguma forma pessoas venham ser iluminada pelo Espírito Santo e possam ver como eu vi o caminho da graça de Jesus conforme os evangelhos.

Conte comigo no que precisar, gostaria de saber em que cidade reside.

Abaixo deixo parte de um texto que recebi ontem de autoria do Rev. Caio Fábio – “O Jesus que conheço” que mostra bem, muito que eu cria e por isso tenho esperança que muitas vidas mudem, pois até eu que era cético seguidor da religião evangélica enxerguei, por que outros não poderão ter a mesma experiência de uma mente avivada? Então! Avivamente neles.

Segue o texto...

“Você de fato acredita que apenas porque uns carinhas se reúnem e dizem “como Deus é” que seja de Deus mesmo que eles estejam falando ou Deus mesmo que eles estejam definindo?

Você de fato crê que Deus, Deus mesmo, esteja sendo apresentado nesses tratados escritos por teólogos, no passado, ou pelos doutrinadores do presente?

Você realmente crê que sendo Jesus conforme os Quatro Evangelhos o apresentam, Ele possa ter alguma coisa a ver com toda essa loucura e estelionato que fazem com o nome Dele; sim apenas por que o suposto nome que o apelida na História esteja sendo “mencionado”?

Você se apresentaria a Policia apenas porque ouviu no “Jornal Nacional” o nome de um homônimo sendo mencionado como tendo assassinado alguém porque a pessoa deixou de dar o dizimo?

Se você não se apresentaria por saber que o nome era o mesmo, mas que a pessoa não é você — por que então você crê que mesmo não sendo de Jesus que se fale nos lugares, mas apenas se mencione o seu apelido, que, por tal razão, Ele mesmo se apresentaria?

Você acha que Jesus está preso à construção cabalística das letras J.E.S.U.S.?

Você acredita que essas cinco letras juntas, nesta seqüência de J.E.S.U.S., obriguem Jesus a se apresentar mesmo que o que Dele se esteja dizendo não tenha nada a ver com Ele?

Você realmente acredita que um prédio que leve o nome de “igreja” é a casa de Deus?

Você de fato crê que o Senhor de todas as coisas e mundos, não tem povo na terra se não acontecer em um lugar com funções determinadas pelas hierarquias de poder herdadas da administração publica do mundo grego, como presbíteros, diáconos e Superintendentes, ou seja: bispos?

Você acredita em culto?

Acredita que quando certo hino toca e o louvor começa e o pastor prega, que isto é culto?

Você crê que culto é o que acontece quando um monte de gente canta junto usando o nome Jesus?

Você acredita que orações de pastor, de bispo e de apostolo são mais importantes que as suas preces?

Você acredita que a ordenação com imposição de mãos de homens é o poder que cria um pastor ou qualquer coisa?

Você realmente crê que o Senhor, o Criador dos fins da terra, Aquele que não se cansa e nem se fatiga, de fato leve a sério uma reunião de Presbitério, cheia de politicagem, de armações, de mentiras e de calunias?

Você realmente acredita que existe diferença entre artista gospel e uma Fafá de Belém?

Sim! Me diga: você acredita nessas coisas?
Por exemplo: você acredita que se você não estiver indo ao lugar do “culto” você está longe de Deus apenas por esta razão?

E mais: se é assim, me diga: é o seu Deus maior ou melhor do que o diabo?

Por isto, digo: Eu só conheço Jesus pelos Quatro Evangelhos!”

Link para ler todo o texto http://www.caiofabio.com/2009/conteudo.asp?codigo=04400

Receba meu abraço irmão Lucas, e sempre que passar por aqui deixe seu comentário.

Bom final de semana.

Graça, Paz, saúde a você a todos os seus.

Claudio Silva disse...

Obrigado pelo comentário Pr Leandro.

Vivemos tempos de emergência mesmo, mas o tom mais agressivo se deve ao fato de que o pedestral onde se apoia suas crenças está podre, os fatos mostram que o leme que conduz a igreja infelizmente quebrou e o último baluarte que a mantinha com voz e vez diante da sociedade que era a ética foi substituido pelo circo, agora ao invés de oferecer justiça e esperança oferecem ilusionismo e espetáculo.
Como me falou o seu colega e meu irmão e amigo Pr. João Osir isso é um golpe "bem no rim".

Big abraço fraternal e muito boa a dica do vídeo "O guia do rebelde para a alegria".

Graça e Paz!!

Jonatas Debom Machado disse...

Graça e Paz a todos irmãos,
Bom concordo e assino em baixo com o que o Irmão André falou, estive no primeiro dia lá e nao vi nada alem de emocionalismo, de manipulação, euforia, barulho,etc.

Concluo que Benny hinn e suas ministraçõs sao nada mais nada menos que algo a promover pastores e ministros no termo ... "Benny hinn repartiu a unção comigo".
Bom creio que isso tem acontecido para que se cumpra as escrituras.

Um forte abraço aos irmãos e ao Claudinho.

Claudio Silva disse...

Obrigado pelo comentário Jonatas.

Os sinais dos tempos cada vez ficam mais claros, tentam preencher o vazio espiritual com barulho, espetáculo e emoção.
Unção agora é a meta dos crentes, quase que como uma griffe para gerar status.
E o amor a onde fica?
Eu particularmente não fui e nem fiz questão de ir, pois o que ia acontecer lá e os desdobramentos nas comunidades de fé era óbvio para mim como já comentei antes.
Mas não podemos perder a esperança nem a capacidade de se posicionar diante daqueles que fraudam a fé e a utilizam na promoção pessoal.
No mais meu irmão é perseverar naquilo que sabemos que faz bem a nossa alma, ler e estudar a palavra, principalmente os evangelhos onde vemos o Deus encarnado com toda a sua plenitude nos deixando exemplos de vida e amor, orando por tudo e por todos, principalmente para que as mentes se despertem da “Matrix espiritual” e sempre que possível ter paz uns com os outros incentivando a comunhão com o próximo para que nossa colheita seja mais do que números, mas vidas com a mente e o coração libertos.

Abraço fraternal a você e principalmente seus familiares que os tenho com muito carinho em meu coração.

Graça e Paz!!

Anônimo disse...

Eu gostei muiito da cruzada Benny hinn!!!!!

Luziane disse...

Acredito que devemos deixar Deus falar por Si mesmo. Se a obra que Benny Him faz em o Nome de Jesus não é de Deus certamente ela não prosperará mas se o que ele executa vem de Deus permanecerá e não importa qnts se levantem para criticá-la ou louvá-la. Deixemos Jesus Cristo no controle Ele nos dará resposta a este assunto. Só gostaria de nos lembrar que o amor esta acima de todas as coisas e se não somos capazes de orar uns pelos outros em suas fraquesas quem somos nós para julga-los? Acredito que seria edificante falar-mos sobre a Palavra de Deus e não nos posicionarmos a respeito de Paulo ou Apolo quem é quem pra Deus Deus sabe muito bem quem Lhe pertence. A nós compete somente viver o Evangelho.

Claudio Silva disse...

Olá Luziane!

Obrigado por sua participação, é sempre bem-vinda sua contribuição.

Muitas pessoas pensam como você sobre o que prospera ser de Deus e na mesma medida planos e projetos que se frustram nos dão à impressão como sendo uma resposta negativa a vontade Dele.
Infelizmente na prática não é bem assim, temos como exemplo a vida de Jó que segundo o julgamento de seus “amigos” a vida tinha um efeito de causa e conseqüência. Leia Eclesiastes 9.2 e verá que nossos parâmetros não são os de Deus.
Outro ponto que devemos considerar é como Deus fala, se Ele faz morada em nós, habita pelo seu Espírito em nossos corações e se somos seu instrumento para representá-lo entre os homens, devemos sim analisar todas as coisas e julgar segundo o que nós é revelado, submetendo nossa consciência e julgamentos a Palavra.
Os profetas do Antigo Testamento frequentemente denunciavam quando o culto e os cânticos eram de aparência, os que faziam do ofício do templo um modo de enriquecimento, os juizes quando julgavam causas de modo injusto, o povo quando se desviava dos caminhos de Deus e quando os sacerdotes e profetas de ocasião torciam a Palavra em benefício próprio ou de reis inescrupulosos e chamava todos a um sincero arrependimento.
Ora se assim creio, por que não pensar que a resposta que Jesus quer dar, e que todos estão esperando já não foi dada por intermédio de irmãos que denunciam aquilo que somente os cegos não querem enxergar, um cara “pseudo-pastor” ilusionista que enriqueceu as custas de um povo doente, guiado por pastores ingênuos e mal-preparados, carentes de “sinais” e que não conseguem discernir por si mesmos o que procede de Deus e o que é mero show de ilusionismo barato e manipulação de consciências em nome do “evangelho”, mas que de Evangelho nada tem.
E o que mais me aborrece não é o “show-man”, mas a quantidade de clones que sem uma identidade de discípulo de Cristo assumem uma postura de discípulo da moda e reproduzem de uma forma arrogante o que aprendem nesses encontros.
Orar irmã eu oro, e convoco a todos a orarem, para que esses mascates-intinerantes da fé se arrependam e voltem de onde nunca deviam ter saído, do primeiro amor e me posiciono sim, se Paulo não se posicionasse contra o movimento judaizante na nova igreja que se formava e desse modo impedir que a Graça de Deus fosse anulada através de ritos (Graça que muitos tentam anular ainda hoje) nós, os gentios, estaríamos hoje oferecendo holocaustos e nos circuncidando nos templos (acho que eu não ia querer pertencer a essa nova fé – risos), entre outras coisas. Graças a Deus que Paulo pelo seu entendimento da Graça comprou briga com os apóstolos e os rumos da igreja foram outros.
Desta forma irmã, tudo que falamos é a Palavra, pois ela está dentro de nós através da Palavra encarnada que é Jesus e tudo que nos posicionamos é pela Palavra, e desta forma vivo e devemos viver o Evangelho, examinando tudo, tendo discernimento pela palavra do que vem Dele e do que não procede e se assim não for somos mero objetos de manipulação na mão de lobos com a pele de cordeiro.
Se você tiver tempo escute o áudio do Pr. Leandro Barbosa que postei no blog – Espiritualidade sadia, sem protótipos de Super-Homem ( http://sobrefeemaisumpouco.blogspot.com/2009/05/espiritualidade-sadia-sem-prototipos-de.html ) e escreva novamente sobre suas impressões.
Eu não sou pastor, apóstolo, bispo, não tenho curso de teologia, mas tenho uma nova vida, sou um pecador regenerado pela cruz de Cristo, com uma mente renovada pelo Espírito Santo, disposto sempre a aprender com os exemplos dos evangelhos e da vida, em suma um irmão que quer contribuir na edificação de vidas e consciências. Minha palavra nunca será final, por isso agradeceria se escrevesse de novo.
Um abraço fraternal

Graça, Paz e entendimento.

Em Cristo,
Claudinho